Gov inicia atuacao BR316 medidas emergO Comitê Interinstitucional para Atuação Cooperada na BR-316, no trecho delegado ao Estado do Pará, esteve reunido na última quarta-feira (19), na sede da Secretaria de Estado de Transportes (Setran), onde traçou novas medidas emergenciais a serem executadas na rodovia. O grupo foi criado para atuar em determinadas situações referentes à via, após a cessão de uso do governo federal para o governo estadual, no trecho que vai do marco 1.7, logo após o Entroncamento, até o Km 18, à altura da entrada de Benfica, no município de Benevides.

“O nosso papel é catalisar e agilizar as medidas que o grupo tomará. Não tenho dúvidas de que, juntos, conseguiremos amenizar os transtornos que hoje estão postos nesta que é a principal via de acesso à capital e requalificar a questão da mobilidade urbana de Belém, mesmo diante das dificuldades que inevitavelmente teremos que enfrentar. A conclusão do projeto Ação Metrópole será a realização de um sonho para os gestores dos municípios envolvidos nessa grande obra e para toda a população que será beneficiada por ela”, avalia o titular na Setran, Kleber Menezes.

Fazem parte do grupo a Setran - que também é responsável por coordenar a articulação interinstitucional entre os órgãos e entidades do governo estadual, e entre este último e os demais órgãos e entidades do governo federal -, a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedop), o Núcleo de Gerenciamento de Transporte Metropolitano (NGTM), e o Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran).

O Comitê Interinstitucional para Atuação Cooperada na BR-316 foi instituído, por meio de decreto publicado no Diário Oficial do Estado, no dia 10 de abril, considerando a necessidade de atuação cooperada dos agentes estaduais na gestão do trecho delegado, tendo em vista a implantação do Projeto Ação Metrópole e o indispensável empenho coordenado na execução de competências estaduais comuns, assim como a essencial atividade multi-institucional para promover a interface dos órgãos e entidades estaduais com a União, por meio do DNIT - Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes e da Polícia Rodoviária Federal, e ainda com os municípios que abrangem o trecho da rodovia que é objeto da intervenção.

Antecipação - As medidas emergenciais já iniciaram e o reflexo delas já pode ser observado por quem, no último feriado, da Semana Santa, precisou se deslocar para os balneários da região nordeste do estado. O diretor técnico operacional do Detran, Walmero Costa, explica que em antecipação aos recessos do mês de abril já foram deliberadas as primeiras providências, que prevêem a intensificação dessas ações nos próximos feriados, seguidas de outras medidas que fazem parte do plano do comitê, com o objetivo de garantir o fluxo do tráfego na rodovia.

“O Detran e a Polícia Rodoviária Federal fizeram um trabalho para dar mais fluidez ao trânsito na BR-316 como forma de se antecipar aos congestionamentos que poderiam ser causados em virtude dos feriados previstos para este mês. Com isso, desenvolvemos uma ação educacional, com atuação de agentes de trânsito nos locais de travessia de pedestres, como faixas e passarelas, e ainda executamos uma operação tapa-buracos nos pontos de tráfego mais intenso. Com essas primeiras medidas já observamos uma melhor fluidez na via”, avaliou Walmero.

 
Por Manu Viana